Por você e por você

Escrito em: 14 de Outubro de 2008 por Gisele de Menezes

Se não for pelo outro, o que é mais difícil de fazer, que seja por você mesmo.

É você quem estará aqui florescendo na semente que deixar. Toda a sua atitude tomará forma. Ao florecer nossa ação, temos que pessoalmente fazer a colheita.

Por que é tão difícil nos libertarmos de vícios? Sabemos que algo não vai bem em nossas vidas, sabemos que algo não vai bem em nosso Planeta, sabemos que algo não está bem com a economia dos países, sabemos que algo não vai bem com as crenças e mitos. Nosso corpo está mais vulnerável às doenças, nossa mente procura por satisfações e nossos corações clamam pela Luz da Verdade.

Todos nós percebemos esse crescente sofrimento mas não queremos olhar de frente para a causa de nossos maiores problemas. Nos agarramos aos paliativos, preferimos fingir que estamos certos de que a vida é isso e então quem “tirar o melhor” dela está aparentemente bem. Sim, pois aparentar em um mundo de aparências parece ser a melhor solução.

Mas na solidão de cada um a consciência sabe ser a melhor companheira e a pergunta que não cala – Estou íntegro?

Dentro de cada indivíduo, a centelha Divina não espera o chamado do ego, atende sim ao chamado do Cosmos e começa a tomar espaço, como uma Luz que vai penetrando todos os cantinhos até brilhar sem barreiras. Essa centelha ilumina nossas atitudes e já não mais podemos mentir – Precisamos mudar! Essa mudança é individual e é global, temos que rever o que comemos, o que fazemos com o nosso lixo, quem está sofrendo com nossas escolhas e quais os sacrifícios que o todo está fazendo pela parte. Em todos os setores já começam as manifestações para a clareza geral. Renomados cientistas publicam pesquisas e informam – Temos que mudar!

 

Saiba mais:

Tags:

2 comentários em: Por você e por você

  1. marilucy araujo: 13:25hs de 26 de Janeiro de 2012

    a mensagem de Gisele demonstra o quanto ela e especial, a sua importância como ser humano,sua vontade de fazer a diferença nessa curta passagem pela terra, tocou meu coração.Quero aprender sobre a massagem indiana e tudo o que envolve o assunto. Beijos. Mary.

    Responder
  2. Maria Rodrigues: 17:39hs de 13 de Fevereiro de 2012

    Querida Gisele recebi seu e.mail e fiquei completamente frustrada…como gostaria de estar contigo – e aprender todas essas terapias ancestrais. mas estou tao longe, que parece que aquilo que eu gosto está sempre fora do meu alcance.Vem a Portugal por favor… um forte abraço.
    Eu estou contigo todos os dias..

    Responder

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

  • Etiquetas