Sobre a Autora

Em 1999, Gisele de Menezes iniciou o seu caminho nas terapias naturais.  Em 2003 foi iniciada em conhecimentos ancestrais pelo xamã siberiano Severni Olenj, que a incentivou a trabalhar com grupos pela habilidade de canalizar. Em 2007, foi para a Índia encontrar as raízes de seus aprendizados e lá ficou por 144 dias, iniciando-se também em meditação Vipassana.

Em 2002, conheceu o Movimento Mundial de Paz e Mudança do calendário para o Sincronário de 13 Luas de 28 dias e, em 2007, quando retornou da Índia, passou a divulgar esse movimento como facilitadora da Lei do Tempo

“Gosto de lembrar que quem nasce em Porto Alegre, nasce no paralelo 30. Esse paralelo no hemisfério Sul, é o mesmo paralelo de Lhasa, no Tibet, no hemisfério Norte.”

“Ainda que a Índia tenha sido a grande inspiração para o livro, considero a experiência mais contundente de toda a minha vida, ter sido canal para três filhos de sangue e muitos filhos espirituais. Eles me fizeram lembrar que somos todos um.”

Mais sobre Gisele aqui!

Vídeos

Comentários dos leitores

Gi, sua mágica!!! Me senti muito tocada pelo teu livro. A forma como tu escreve transporta o leitor para viver a viagem, as tuas descobertas e a importante parceria do Rafa.
Fiquei feliz em saber mais sobre vocês. As idéias que defendem e como se manifestam. Adorei!! Ainda mais porque tu utilizou o livro para falar sobre coisas muito importantes que são ditas por poucos. Falaste ao meu coração!

Mil beijos e pensa mesmo em um próximo porque tens talento.

Águia cósmica azul

Amanda Ziani
Jornalista e Instrutora de Yoga

Nossa, Gisele… Surpreendente !
Terminei a leitura de seu livro, ficou mesmo um gostinho de quero mais… Eu sabia que isto aconteceria pois, a maneira com que você expos sua percepção, me fazia sentir que,  a todo tempo, você teria um ensinamento mais importante que outro.
A grandeza de seus conhecimentos contrastam com a menina simples que passou por muita dificuldade na vida. As conexões que você faz do mundo físico com os aspectos espirituais são a maior prova da pluralidade das existências. O que me impressiona é que, no meio do burburinho da vida ocidental moderna você encontre vestígios deste legado transcendental que te acompanha.
Mais uma vez quero agradecer por contribuir com os meus primeiros passos em busca do auto-conhecimento. O trabalho de quebrar a grossa casca de ovo em que meu ego está envolvido, ganhou mais força por saber que existem muitos caminhos… E procurar dentro de cada um, talves seja um dos mais curtos.
Parabéns pela mulher determinada, corajosa, guerreira e amorosa que você demonstrou ser.
Com muito carinho!

Waléria Lopes
Empresária - PA

Namastê,
Gisele.

Quero começar este email, compartilhando com você a experiência que tive ao receber ontem o seu livro em minhas mãos.
Assim que vi que ele já estava disponivel nos Correios da minha cidade sai correndo com a perna machucada pra pega-lo hehe, e quando eu abri o pacote e peguei ele na mão eu tive uma sensação de enformigamento e arrepio no meu corpo todo. Foi ótimo e em seguida abracei ele…
Eu tenho muita vontade de mudar minha vida para melhor, e sei de que sou capaz de viver uma felicidade intensa na simplicidade da minha vida. E quando comecei a ler o seu livro ontem, e fiquei emocionada já quando você diz “Oramos para que todos os seres possam voltar a viver um Tempo Natural, harmonizados com os cíclos da Lua, do Sol e das Galáxias e, com mais frequência desligar seus televisores e definitivamente viver uma vida simples e real que lhes faça feliz.” eu perdi o medo de me aventurar no novo. Devido a essa super globalização em que vivemos, ainda mais eu com 19 anos, em que tenho que me preocupar com trabalho pra ganhar dinheiro, faculdade pra garantir meu futuro e festas para garantir alguma outra coisa, eu tive certeza de que eu estava ali no momento certo, lendo o que precisava ler e depois de dias não me senti mais sozinha. Mas o que mais me deixou feliz foi que suas orações chegaram até meu coração e me fizeram enxergar uma nova chance de me encontrar.
Essa semana passei por muitos conflitos internos me levando a adoecer fisicamente, mas isso foi pra me dar forças e lutar pelo que eu quero.
Estou melhor, recuperando e guardando aos poucos minha energia vital. O que mais temia era de estar sozinha e não saber qual direção seguir…
Qualquer exercício ou atividade que você me recomendar já é super bem vinda.
A da respiração dos 4 segundos eu faço todos os dias, e ensino a quem posso.

Grata desde já…
Um iluminado final de semana!

Marcela Tonello
Estudante

Queria lhe agradecer a oportunidade que você me proporcionou de conhecer um pouco de um lugar tão diferente daquilo que conhecemos. Muito pouco sabia sobre a Índia e seu povo, menos ainda de suas tradições e costumes. Estou lendo seu livro em doses homeopáticas, saboreando a poesia de suas palavras. Que experiência incrível você viveu! Agora percebo o porque de seu chamado pela internet ter me tocado tão profundamente. Não quero decepcioná-la, mas não tenho nenhum resquicio de misticismo… Minha forma de viver é extremamente materialista e mundana. Mas todo este lado espiritualista me atrai, e confirmo meu interesse em conhecer mais para poder ajudar mais e melhor. Não sou intuitiva, aliás, perdi hà muito minha intuição nas coisas mais simples; e seu livro, está me mostrando um lado de desprendimento e fé que mexem com minha alma. Ainda estou na página 86, e já sinto saudades de quando o livro terminar. Parabéns, não pelo sucesso da obra, mas por ter conseguido entender e decifrar todos os sinais que apareceram em sua vida, sem medo e com muita entrega. Você está fazendo um excelente uso de sua sabedoria, e nós estamos tendo a chance de aprender e crescer com sua coragem e determinação. Até um dia!!! Seja sempre feliz!

Waléria Lopes
Empresária

Querida Gisele,

Estaba pensando en ti estos días, regresé de Uruguay quarta pasada y estoy terminando de leer tu libro. Cada vez que abro el libro es igual a entrar en otra dimensión, vivo cada experiencia que tu relatas y mi conciencia se expande, es igual a estar yo también en los Himalayas. Y como nada es casualidad en la vida, tu libro es para mi una fuente de enseñanza que estoy aprovechando.

Y también estoy agradecida por nuestro “casual” encuentro.

También he incursionado en la información sobre el Sincronario de la Paz y sobre todo me interesa profundizar en el Calendario de las 13 Lunas. Yo hace muchos años que dejé de usar el reloj y necesito estar en mayor sintonía con los ciclos naturales de la Madre Tierra. Así es que me encantará compartir contigo esta presentación el día 18.

Namasté

Rosario Fons
Diplomata Uruguaia

Um relato…
Uma experiência.
Grandes Informações, palavras sábias, um chamado à Conexão.
Magia, Conhecimento!
Pensei na sua preocupação de ter ficado um “eu” egóico, alguém que conta de suas experiências… Mas acredito que não acreditas mais nesta hipótese de seu livro ter ficado pessoal.
Ele é lindo! Instigante na capa, símbolos e título…

Ao iniciar a leitura (como alguém que te conhece, que morou um tempo com você) me abri ao novo, uma história que não conhecia, que me chamava até chegar na casa Sul.
Era um filme do Godat, o Tempo que se cruza, entre passado, presente e futuro, entrelaçando-se nas sincronicidades da expedição e da vida.

Acredito que a fala em primeira pessoa, possibilita as pessoas a acreditarem, sensibilizarem-se e, de fato não ficarem tanto na ficção, pois todas as informações são Universais. Tantos Mestres! É a experiência vivida e compartilhada que toca, e não aquela que é contada por alguém que não sentiu e nem vivenciou o que relata.

A mistura das religiões, das Escrituras, o que cada uma tem de especial, assim como cada povo, cada família e pessoa. Senti meu peito o tempo todo da leitura, e no final pude sentir a Paz, Jesus, e uma missão linda e corajosa de ser mais uma a revelar uma outra história deste Bodhisattva.
Poderia escrever mais, mas por hoje é isso!

Boa semana Amada Amiga

Samira Abdala
Terapeuta, Instrutora de Iyengar Yoga, Dançarina, Artista.

Artigos e Links