Arquivos da Tag: Alimentação

Palestra Corpo e Alma – USJL – Semana da Mulher

Escrito em: 9 de Março de 2010 por Gisele de Menezes

A pedido do professor, profissional da saúde e amigo Félix G. da Costa, estarei falando sobre um assunto que muito me agrada. A palestra Corpo e Alma será no dia 10/03/2010, na unidade de saúde Jardim Leopoldina em Porto Alegre. Tópicos que serão abordados – A visão do corpo sutil, de acordo com os ancestrais Rishis – sábios videntes dos Vedas*. Abordagem embasada no Sanatana Dharma – Verdade Suprema. Vórtices de consciência do corpo e suas qualidades. Alma – O corpo, a mente e os sentidos emanam dessa Inteligência interior. Você sabe onde está sua Alma? Por que facilmente nos desconectamos da Fonte interior de Paz? Onde Eu estou? Entenda que a mente não é problema, ela é a solução. Uma prática científica para perceber os efeitos do pensamento. Saiba porque é importante meditar. Enxergue o processo no qual vamos aceitando as “verdades absolutas” e a partir desta crença, adoecemos. Um conto sobre meu encontro com um ser de outra dimensão. E para finalizar, uma breve meditação. * Vedas, palavra sânscrita que significa conhecimento. Os Vedas são os mais antigos escritos religiosos e filosóficos indo-europeus de que se tem conhecimento.

Pequenos Seres Humanos

Escrito em: 8 de Agosto de 2009 por Gisele de Menezes

Ao ser contatada por uma amiga, mulher e mãe que está na Espanha, solicitando uma boa leitura que lhe auxiliasse na formação de seu pequeno filho recém chegado, parei para observar e então escrever este texto. Ela é uma jovem mulher com a metade de minha idade, uma pessoa que admiro pelo que vejo e respeito pelo que ouço através de meus filhos, amigos dela antes de mim. Da mesma forma, ela me tem apreço, ou não pediria auxílio na tarefa de educar. Na observação que empreendi, coloquei-me em local público em um final de tarde tranqüilo na beira de uma pequena lagoa no centro de uma cidade a beira-mar. O local fica em uma praia próxima e é bem populoso apesar de se tratar de um período de rigoroso inverno nesta região. Uma pequena criança de aproximadamente um ano e meio, passou em pequeninos passos acompanhada de sua paciente mãe e seu olhar cuidadoso sobre seu amado filho. Era um futuro adulto, uma bela miniatura do que será, mas como uma jovem criança, era cambaleante. Observei que o pequenino distraía-se facilmente com os sons e qualquer coisa em movimento lhe atraía a visão e mudava seu rumo. Observei que … Ver mais…

La Belle Verte

Escrito em: 28 de Julho de 2009 por Gisele de Menezes

Com Alegria coloco aqui no blog para todos os visitantes, o filme que pode despertar os dorminhocos, plugar os alienados e confortar os acordados! Em um tempo certo, a visão de seres evoluídos sobre o momento da humanidade, será sempre atual enquanto continuarmos nos matando. Até que possamos sobreviver no Planeta que subjugamos, ou até que acordados consigamos unidos dar um basta ao caos em que vivemos, muitos chamados estão sendo feitos. O chamado da própria Mãe Terra, ao mostrar-nos repetidamente que não passa bem e que nossas atitudes travessas já não podem continuar sem o severo castigo que já vislumbramos, é o canto derradeiro da morte tão necessária ao renascimento. É certo que renasceremos de qualquer forma por um Tempo de Harmonia! Logo depois da evolução, só nos resta involuir. Que cada ser humano possa fazer sua escolha e direcionar seu movimento para não perder o giro do movimento cósmico que envolve todos os corpos celestes. Após tantas comprovações científicas sobre questões basicamente naturais, penso que aos inteligentes não restam mais dúvidas. Certamente já fizeram suas escolhas. O filme abaixo lhe exigirá muito pouco tempo para o ganho que acrescentará. Se sentir um frio na barriga, indique aos Amigos … Ver mais…

Depoimento de um Médico Vegetariano

Escrito em: 19 de Janeiro de 2009 por Gisele de Menezes

Dr. Eduardo Lima é médico (clínico geral), formado pela Universidade Federal de Juiz de Fora há 32 anos. Escreveu esse contundente depoimento pessoal quando parou de comer carne, em julho de 2007. Quando solicitado a dar uma entrevista sobre o vegetarianismo e sobre como se tornou um vegetariano, fez questão de que constasse esse “documento” já elaborado. Desde então, mantém-se firme como vegetariano. Estou com 55 anos. Tenho artrite, pressão alta, cansaço, dor muscular e articular, gota, má digestão, dor de cabeça e irritabilidade. Não bastasse ser médico e conviver com dezenas destas queixas, me vi também envolvido por elas. É a idade, penso eu. Passou dos cinqüenta, ninguém agüenta! E assim, como todo cidadão que vai para o trabalho, tomava o ônibus bairro-centro e voltava centro-bairro. Sabem onde moro? No centro. São dois pontos e pronto, cheguei! Mas cadê a coragem, perna, fôlego, disposição para andar oito quadras (mais ou menos 1 Km)? Mas 55 anos, 1,85 m, 97 kg e dor pra todo lado, vamos de ônibus mesmo. E aos meus clientes recomendando não comer açúcar, carne vermelha apenas nos churrascos, peixe e frango à vontade, evitar o que dá debaixo da terra, cuidado com massas, façam exercício, … Ver mais…

Por você e por você

Escrito em: 14 de Outubro de 2008 por Gisele de Menezes

Se não for pelo outro, o que é mais difícil de fazer, que seja por você mesmo. É você quem estará aqui florescendo na semente que deixar. Toda a sua atitude tomará forma. Ao florecer nossa ação, temos que pessoalmente fazer a colheita. Por que é tão difícil nos libertarmos de vícios? Sabemos que algo não vai bem em nossas vidas, sabemos que algo não vai bem em nosso Planeta, sabemos que algo não está bem com a economia dos países, sabemos que algo não vai bem com as crenças e mitos. Nosso corpo está mais vulnerável às doenças, nossa mente procura por satisfações e nossos corações clamam pela Luz da Verdade. Todos nós percebemos esse crescente sofrimento mas não queremos olhar de frente para a causa de nossos maiores problemas. Nos agarramos aos paliativos, preferimos fingir que estamos certos de que a vida é isso e então quem “tirar o melhor” dela está aparentemente bem. Sim, pois aparentar em um mundo de aparências parece ser a melhor solução. Mas na solidão de cada um a consciência sabe ser a melhor companheira e a pergunta que não cala – Estou íntegro? Dentro de cada indivíduo, a centelha Divina não espera … Ver mais…

  1. Páginas:
  2. 1
  3. 2
  • Etiquetas