Arquivos da Tag: Amor

A Cientista que Curou seu Próprio Cérebro – Dra. Jill Bolte Taylor

Escrito em: 16 de Setembro de 2008 por Gisele de Menezes

Fui solicitada pela Ediouro, a comentar o livro da cientista Dra. Jill Bolte Taylor. O livro é sobre a experiência que ela teve com o derrame que afetou o lado esquerdo de seu cérebro, a cirurgia e a recuperação. É um relato científico desta intensa experiência e, por isso, uma experiência Divina. Ela explica de forma muito clara a diferença de percepção dos dois hemisférios de nosso cérebro e dá uma idéia exata de onde estão nossos problemas e as respectivas soluções. Por exemplo, nossos maiores problemas estão exatamente onde os causamos, em nossa cabeça. É neste local demasiadamente pensante e criador, que facilmente nos desconectamos do aspécto metafísico de todas as coisas. Com clara e acessível linguagem, ela traz fatos que abrem a percepção de qualquer pessoa inteligente. Para quem conhece um pouco sobre os centros psíquicos, os Chakras, (vórtices de energia relacionados às glândulas endócrinas) o livro, auxiliando na compreensão da função dos sentidos cognitivos e suas reações fisiológicas desencadeadas no corpo, facilita  a relação do corpo físico com o sutil. Com humildade, esta neuroanatomista nos convida a reverenciar o Divino em cada giro atômico da mais remota molécula e assim abre com chave de ouro a porta … Ver mais…

Espiritualidade e Sustentabilidade

Escrito em: 21 de Agosto de 2008 por Gisele de Menezes

Refletindo sobre este tema – Espiritualidade e Sustentabilidade – tentando assumir a visão da Águia que olha de cima e por isto é considerada pelo conhecimento ancestral a visão do espírito, pensei na minha parte. Em relação a sustentabilidade almejada, me perguntei: – O que quer o Espírito que me habita? Se o Espírito é eterno e parte do Todo, então é a minha parte para o Todo e não para mim que o Espírito quer e, certamente fará isso, se não for subjugado pelo ego – idéia individual. Pensei então que não estou fazendo a minha parte. Isto concluí porque facilmente confundo minhas necessidades com desejos do ego. Me deixo levar por estímulos sensoriais e sigo criando sofrimentos desnecessários. Penso que o ego deve ser olhado de frente, respeitado e muito bem cuidado, pois tem grande poder nesta dimensão. Temos que conhecer profundamente os nossos desejos para então podermos agir com sabedoria, no objetivo de cooperarmos com o coletivo, ou o Todo, no qual estamos inseridos e do qual fazemos parte. Precisamos ter a clareza de que a nossa atitude é para o coletivo, que pode gerar bons frutos. Esta é uma atitude muito individual, mas é para o … Ver mais…

Depoimentos para as Magias de Cleópatra

Escrito em: 16 de Junho de 2008 por Gisele de Menezes

Aqui partilho com todos, as palavras que brotam do coração das Mulheres que se abrem para a Magia de Cleópatra! Gisele querida! Fico feliz pelo seu carinho e apoio… estamos juntas no mesmo propósito, tecendo amor e luz. Amadas mulheres, fico muito feliz por estarmos juntas no caminho da Verdade e Amor. Me emocionei muito com a vivência, foi muito intenso pra mim… e sinto que foi um reencontro com irmãs de muitas jornadas… me senti forte e ao mesmo tempo chorei muito, fiquei sem palavras, coração batendo forte, maravilhada com os insights e visões que vieram. Eu sinto essa energia que já está transformando tudo e precisamos estar preparadas/conscientes para o que ainda está por vir. Que tenhamos a sabedoria da água para fluirmos com os obstáculos e não estagnar pelo caminho. Gratidão Gisele, por compartilhar e despertar esses conhecimentos que cada uma de nós carregamos em nossa memória celular, mas que muitas vezes esquecemos, por estarmos inconscientes com os véus ilusórios diante de nossos olhos. Seguimos em conexão… de ventre e coração! Bjus floridos pelo caminho… Simone Alves Terapeuta Holística, Facilitadora de Dança do Ventre e Focalizadora de Círculos Femininos http://evolucaofeminina.blogspot.com   Namastê, Gi e todas as minhas … Ver mais…

Um contato

Escrito em: 9 de Abril de 2008 por Gisele de Menezes

E então Ágata falou para aquela mulher… – Você é uma Sacerdotisa, precisa saber disso, tem sofrido porque não está consciente de seu papel. Você sabe o que é uma Sacerdotisa? Precisa retomar o poder da Grande Mãe, a glória da grande provedora da vida. Saiba que a Grande Mãe foi fecundada pelo Grande Espírito do Universo e que de tamanho Amor brotamos nós por aqui. Saiba também que perdemos nosso poder, porque ao longo das eras esquecemos a sacralidade de nossa existência ao nos identificarmos com a obra. O Grande Espírito que ama infinitamente a manifestação, está disponibilizando ajuda em forma de Luz de consciência – é hora de despertar – acrescentou Ágata, com docilidade. – Todos sabiam disso em tempos pretéritos, agora irão resgatar a ancestralidade. Vocês mulheres, trarão o feminino sagrado de volta, resgatarão cada homem, filhos do Grande Espírito que trazem em si , a força e o instinto do preservador da vida. O homem de hoje está confuso, o sistema atual alimenta-se desta confusão e vos tira o prazer de viver. Roba-lhes a Paz de simplesmente ser! Com voz tremula e os olhos mareados, continuou: – Estamos em guerra, nosso Planeta sofre! Se o homem estiver … Ver mais…

  1. Páginas:
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  • Etiquetas