Arquivos da Tag: Mãe Terra

Menopausa – a Transformação Real

Escrito em: 12 de Novembro de 2017 por Gisele de Menezes

Vida é a dança espiral que vem do centro, é o giro de trazer de fora e, no mais intrínseco escuro, no fértil interior, transformar para explodir no novo ciclo de Luz – a Transformação Real! Toda a transformação acontece de forma Natural e alinhada com a inteligência criadora, mantenedora e destruidora – é respectivamente Brahma, Vishnu e Shiva. É Sattva, Rajas e Tamas. É positivo, neutro e negativo e assim por diante. Somos alguém sentado na beira do Rio da Vida que flui do sempre Agora, levando o que já não precisamos para o lago do Passado e trazendo da fonte do Futuro, o alimento para o Presente momento. Como em um ovo, quando a casca se rompe com a força que vem de dentro (Futuro), a vida acontece para seguir seu ciclo até a morte e posterior renascimento; por outro lado, se a força vem de fora (Passado), o ovo se quebra e a vida potencial morre precocemente, adormecendo temporariamente. Assim, do sutil para o grosseiro e do grosseiro para o sutil, como em uma espiral de duas vias, na Menopausa – a Transformação Real se dá em giros de espirais dentro de espirais. Mais um ciclo está … Ver mais…

Bandeira da Paz – Ano Novo Maia – dia-fora-do-tempo

Escrito em: 11 de Fevereiro de 2012 por Gisele de Menezes

    Passado, Presente e Futuro, guardados pelo círculo da Eternidade. Religião, Arte e Ciência, protegidos pelo círculo da Cultura. Estar no Oriente e a cada dia interagir com a cultura local, me faz pensar sobre: Onde é o Oriente? Se o povo do Norte do Oriente como os mongois ou ladaks são tão iguais ao povo do Ocidente como os índios americanos ou os bolivianos, então onde aconteceu a separação? Nossa idéia de separação é mais desastrosa do que podemos imaginar. No Oriente, ao conviver com muçulmanos, hindus, budistas e ladaks, ao escutar seus cânticos e sentir Amor em todas as crenças, sempre lembrava da Bandeira da Paz. Ficava extasiada ao escutar o canto que saia das mesquitas muçulmanas em vários horários do dia e noite.  O som dos gonpas tibetanos é igualmente divino e se parece muito com o som dos xamãs da Sibéria. Enfim, todos cantam a “boa nova”, todos acreditam em dias melhores, todos sofrem com este final de ciclo tão escuro e cheio de medos. Poderíamos estar unidos! Poderia a Bandeira da Paz cumprir sua função de proteger todas as Artes, Religiões e Culturas! Mas uma bandeira pode apenas lembrar os homens. E por que os … Ver mais…

José Arguelles - Valum Votan

Manifesto pela Noosfera – José Arguelles

Escrito em: 29 de Abril de 2011 por Gisele de Menezes

A Terra e Eu Somos Uma Só Mente. Durante mais de 5 mil de minhas órbitas ao redor do Sol, os humanos têm estado alterando a minha paisagem. Alguns deles maravilhosos, como as terras de cultivo de arroz na Distante Ásia Oriental ou do plantio de milho nos Andes da América do Sul. Canais, irrigação, diques para desviar água, pirâmides e templos, grandes muralhas sinuosas, e logo as cidades com seus sistemas de conexão de estradas, e ao longo da costa, grandes portos marítimos e barcos com velas ondulando em busca de novas terras a conquistar, novas mercadorias para comercializar e, sempre aqui e ali, grandes exércitos em guerra devastando a Terra. Estes eram os mais inteligentes, os ansiosos por riquezas e poder. Os inteligentes me traçaram com mapas e fizeram globos terrestres para imitar-me; elegeram viver no seu próprio tempo e deixaram de viver de acordo com os grandes ciclos que regem a ordem universal. Pelo dinheiro, dividiram seu tempo e dividiram a Terra. Já não se consideravam parte da Terra, senão que Eu, a Terra, me converti em sua escrava. Criaram todo tipo de máquinas e para suas máquinas necessitaram tudo o que puderam tirar da Terra: Destruíram … Ver mais…

Massagem Espiritual

Escrito em: 31 de Março de 2011 por Gisele de Menezes

Algumas boas técnicas de trabalho corporal são oferecidas hoje! Este é um momento em que tocar é “permitido”, realmente interferimos com nosso Corpo, Mente e Espírito, no outro. Nos entrelaçamos! Estamos bem? Estamos íntegros? Temos qualidade para oferecer no olhar? Fazemos cursos, aprofundamentos e vivências e criamos nossa “maneira” de tocar. Somos bem intencionados, deixamos que o Amor seja nosso guia e em muitos momentos, durante o trabalho corporal, abrimos brechas em indivíduos encouraçados, mal tratados, tristes, inseguros e doloridos. Integramo-nos com o outro ser. Esta experiência bem amparada na Fé, pode ser libertadora. A cura é o momento em que o ser enxerga o Ser. A energia circula com tal fluidez que limpa os canais de energia ora obstruídos e inunda os centros de consciência – os Chakras, que estão ligados às glândulas endócrinas e são responsáveis Superiores por todo o funcionamento equilibrado do corpo biológico. O Ser manifestado, é o companheiro invisível e eternamente inseparável de toda a jornada. Ao percebermos esta integração, o renascimento consciente ocorre. A partir daí, o indivíduo escolhe, ou seja, assume a responsabilidade pelo “Agora”. Todos os hábitos que envolvem o cuidado com o corpo humano e o Corpo da Mãe Terra, do qual … Ver mais…

Prece para o Golfo do México

Escrito em: 5 de Julho de 2010 por Gisele de Menezes

Ver a Mãe Terra sangrando está chocando as pessoas. Penso que o que está acontecendo no Golfo, apesar de triste para quem vê, é bom para clarear nossa visão e impulsionar nossa evolução. Todo aquele petróleo que parece afogar a vida marinha matando-a aos poucos, é um líquido vital para o Planeta, tem seu lugar vital no corpo da Mãe Terra. Apenas a forma como está sendo usado, ou seja, com a intervenção do homem, é que transformou o líquido em veneno. Nós estamos há muito tempo extraindo esta forma de energia e poluindo todo o meio ambiente. Este já era um problema grande, apenas não estávamos enxergando. Agora, com o líquido derramando aos nossos olhos, estamos vendo o quão sugadores somos. Aproveito este post para indicar mais uma vez o filme La Belle Verte. Você pode vê-lo neste blog clicando aqui. Talvez ajude no processo evolutivo. Convido-o com Amor e respeito a se dar alguns instantes à possibilidade de evoluir. O filme é muito bom. Abaixo divulgo uma oração que recebi por e-mail e achei que é uma boa forma de vibrar no Amor. Ho’oponopono, Dr.Masaru Emoto – Prece para o Golfo Dr. Masaru Emoto é o cientista do … Ver mais…

  1. Páginas:
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  • Etiquetas